A importância da limpeza das caixas d’água

A qualidade da água que consumimos é fundamental para nossa saúde. Nos dias atuais, a maior parte das doenças está direta ou indiretamente ligada à água.

Mas não basta garantir a qualidade da água que chega às casas através dos sistemas de abastecimento, se ela for comprometida pela falta de condições higiênicas dos reservatórios ou caixas d´água. Higienizar a caixa d´água e executar uma manutenção frequente são medidas importantes para garantir que a água que sai da sua torneira seja apropriada ao consumo domiciliar.

Quem deve executar a limpeza das caixas d’água

Por decreto estadual é obrigatória a limpeza e higienização anual das caixas d’água por empresas especializadas, com registro na Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Porto Alegre.  A tarefa deve seguir normas de segurança do trabalho, sendo fundamental o uso de EPI’s (Equipamentos de Proteção Individual) por quem executa a limpeza.

O Síndico é responsável por essa providência. Se um condômino sofrer algum distúrbio de saúde provocado pela má qualidade da água, o Síndico poderá ser acionado judicialmente.

Não é recomendado que o zelador ou outro funcionário realize a tarefa.

Limpeza programada

É importante que todos os moradores sejam informados do fechamento temporário do registro de água da rua para o prédio, para não ser pego de surpresa, antes da limpeza da caixa d’água ocorrer em seu condomínio e para fazer reserva de água para descarga e limpeza. O Síndico e a empresa contratada devem divulgar dia e hora da realização do serviço a todos os moradores, com antecedência.

Dessa forma nenhum morador será pego de surpresa com a falta temporária de abastecimento d’água.

Como é feita a limpeza de caixa d’água

O zelador ou funcionário do condomínio deve fechar a entrada de água com antecedência suficiente para o consumo da água armazenada, normalmente de 12 a 24 horas.

A empresa contratada deve verificar a situação estrutural e externa do reservatório, esvaziar completamente o reservatório, escovar as paredes internas e a tampa e remover o lodo para evitar a entrada de sujeira nas tubulações de distribuição, eliminar a sujeira, inclusive manchas, enxaguar e esvaziar novamente e fechar adequadamente o reservatório.

Concluída a limpeza, o zelador ou funcionário do condomínio deve religar a entrada de água para encher o reservatório, liberando para consumo.

Os moradores não devem acionar hidras nos banheiros e devem manter as torneiras fechadas durante a limpeza, para evitar problemas no retorno do abastecimento d’água.

É recomendado que os moradores não utilizem a água das torneiras para ingestão no período de 24 horas após a limpeza. Pode-se utilizar a água normalmente para limpezas diversas, banho e outros.

 

Uma opinião sobre “LIMPEZA DAS CAIXAS D’ÁGUA EM CONDOMÍNIO”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *